Elevador hidráulico: como funciona e quais as suas vantagens?

Tempo de leitura: 5 minutos

Você sabia que o elevador é o meio de transporte mais seguro do mundo? Além da segurança, sua praticidade facilita muito o dia a dia das pessoas. Um dos modelos mais utilizados atualmente é o elevador hidráulico, cujo funcionamento é diferente do elétrico.

Há muitos motivos para os elevadores hidráulicos serem tão interessantes, entre eles, a economia, a segurança e a estética. Afinal, esse conjunto de fatores pode ser decisivo na hora de escolher um dos modelos de elevadores que seja o ideal para seu edifício ou residência.

Quer saber mais detalhes sobre este tipo de equipamento? Leia o artigo que preparamos para você!

O que é um elevador hidráulico?

Elevador hidráulico é um equipamento de transporte vertical, funcional tanto para cargas quanto para passageiros. O que o caracteriza é seu sistema, que possui menos componentes em comparação com o elevador elétrico. Ele se movimenta por meio de algum líquido, daí vem o nome, cuja raiz é do latim “hydrus” e significa “água”.

Apesar do mecanismo mais simples, o maquinário possui alta resistência e eficiência. Por isso, é considerado um ótimo custo benefício desde a instalação do elevador até a sua manutenção.

No tópico seguinte, explicaremos o funcionamento do sistema hidráulico em elevadores. Acompanhe e entenda!

Como funciona o elevador hidráulico?

Você já sabe: o funcionamento do elevador hidráulico se dá por meio de um líquido. Mas como isso, de fato, acontece?

Entrando um pouco no campo da física, o mecanismo é baseado no Princípio de Pascal: “o aumento da pressão exercida em um líquido em equilíbrio é transmitido integralmente a todos os pontos do líquido, bem como às paredes do recipiente em que ele está contido”.

Dito isso, entende-se que os elevadores hidráulicos possuem um pistão hidráulico, geralmente situado embaixo do equipamento e responsável por realizar o movimento conforme a pressão do líquido. Além disso, é composto por um reservatório de fluido (ou tanque), uma bomba e um conjunto de válvulas.

A interação entre os componentes ocorre da seguinte maneira:

  • Um motor elétrico aciona a bomba;
  • Com a válvula fechada, o fluido contido no tanque é pressurizado;
  • O líquido pressurizado, geralmente óleo, impulsiona o pistão para cima;
  • Esse movimento faz com que a cabine do elevador seja erguida.

Quando o elevador chega ao andar de destino, o motor elétrico trata de fechar a bomba para que o fluido não provoque mais movimentos da cabine para cima. E, na hora de descer os pavimentos, a válvula é aberta para que o líquido volte ao reservatório.

Quais as principais vantagens do elevador hidráulico?

Entre os modelos de elevadores presentes no mercado hoje em dia, o hidráulico tem conquistado reconhecimento muito positivo. A praticidade é um ponto comum a todos os elevadores, mas o hidráulico também apresenta outras vantagens.

Confira!

Instalação rápida

Por ser um equipamento de alta adaptabilidade, não há necessidade de grandes reformas no local a ser instalado. Isto é, o elevador hidráulico pode adequar-se a pequenos espaços e ser instalado em poucos dias.

O projeto pode ser feito em edifícios de pequeno, médio e grande porte, bem como em residências.

Qualidade estética

Elevador funcional e bonito, isso é o que se pode obter com o sistema hidráulico em elevadores. Afinal de contas, o modelo não demanda uma casa de máquinas, pois seus componentes podem estar a um raio de 10 metros do elevador, normalmente em nível térreo.

Conforto garantido

Os elevadores hidráulicos proporcionam viagens tranquilas, sem movimentos bruscos na partida ou na parada. Inclusive, há bastante precisão nas paradas, de modo que haja o nivelamento exato da cabine com o solo do pavimento.

E o modelo é silencioso, diga-se de passagem.

Quer ainda mais vantagens? Não paramos por aqui!

Segurança e economia

Além de todos esses pontos positivos que citamos, temos também a segurança e a economia como características do elevador hidráulico.

O equipamento é mais simples se comparado com o elevador elétrico, porém, é robusto, resistente e confiável. No caso de ausência de energia elétrica, os elevadores hidráulicos têm a capacidade de transportar os passageiros de volta ao térreo, através de um sistema nobreak.

Isso porque sua descida ocorre por meio da liberação gradativa do fluido de dentro do pistão. Com isso, a cabine consegue descer suavemente somente com o sistema nobreak.

A alocação dos comandos no térreo também facilita o manuseio em caso de emergências ou reparos.

Mais que isso, os elevadores hidráulicos são também econômicos, uma vez que o custo de manutenção é relativamente menor devido ao seu sistema simples. A troca de peças e de óleo não precisa ser constante, contribuindo para a redução de gastos com o equipamento.

E, novamente, o fato de que a aplicação de força é necessária somente para a subida, faz com que o sistema hidráulico do elevador seja ainda mais econômico. Afinal, a descida não usa energia elétrica.

Por fim, como já foi mencionado, o processo de instalação do equipamento é rápido e raramente exige adequações no espaço. Logo, esse é mais um fator de economia nesse modelo de elevador.

Neste artigo, você pôde conhecer melhor o que é o elevador hidráulico, como ele funciona, quais as suas vantagens e como ele se diferencia de outro modelo tradicional, o elétrico. Agora sua escolha ficou mais fácil, correto?

Não fique em dúvida! Em nosso site e nas nossas redes sociais, você encontra muito mais informações sobre os tipos de elevadores. Continue conosco!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.